Carnaval de 1957

Carnaval 1957

“Entre os espaços frequentados pelas “mulheres de vida livre”, que abrigavam
os bailes fechados de carnaval, havia o bar Gato Preto localizado na Praça 9 de Novembro e
as boates Amambaí e Casa Blanca, esta última, inaugurada em 1957, ambas localizada na Rua
do Triunfo (Antiga Rua dos Cachorros). Em 1951, o bar Gato Preto foi comprado pelos
irmãos Cairo. Reformado e reinaugurado, passou a se chamar Confeitaria Aracy e tornou-se
um local de frequência da elite local.
À noite, as prostitutas participavam dos bailes promovidos pelas boates situadas na
própria zona de prostituição. Como se pode observar na Imagem, nos salões as roupas
usadas pelas prostitutas eram bem ousadas. Com as pernas desnudas e o colo à mostra, a
meretriz exibe a excepcionalidade da sua condição em relação às moças e mulheres “de
família”.
Imagem – Meretriz em um baile de carnaval (1957)
Fonte: Arquivo pessoal de Maria Alves”

Texto e imagem da dissertação de Mestrado A Rua do Maga-sapo – Cotidiano e representações da prostituição em Vitória da Conquista – BA (1950-1971), de Angelita Cunha da Silva Sousa, pela UESB, em 2013.
http://www.uesb.br/ppgcel/dissertacoes/2011/Dissertacao_Angelita.pdf

Facebook-icon (1)

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s